28 de jan de 2013

A Divindade do Espírito Santo

Quando se fala a respeito da pessoa do Espírito Santo está se tratando da Terceira Pessoa do Deus Eterno, Trino e Uno. As três divinas pessoas da Trindade são reveladas nas Escrituras como um só Deus, existente como Pai, Filho e Espírito Santo. Esta é a doutrina da trindade, expressando a verdade de que dentro da essência una de Deus, subsistem três Pessoas distintas, compartilhando uma só natureza divina comum.
Assim, segundo a Bíblia, Deus é singular num sentido, e plural noutro. As Escrituras declaram que Deus é Um só - uma união perfeita de uma só natureza, substância e essência.

Nem o Pai, nem o Filho, nem o Espírito Santo, foram feitos ou criados em tempo algum, mas cada Um é igual ao outro em essência, atributos, poder e glória. 

Como Deus o Espírito Santo teve participação em todo a criação dos céus e da terra, na história do povo de Israel, na vinda do Salvador ao mundo, no estabelecimento da igreja do Seu Filho Jesus Cristo e finalmente no desenvolvimento dela.
 
De fato, sem a presença do Espírito de Deus neste mundo, não haveria a criação, o universo e a raça humana; sem Ele não teríamos a Bíblia e nenhum poder para proclamá-la; Sem o Espírito Santo, não haveria fé, nem novo nascimento, nem santidade e nenhuma igreja cristã nesse mundo. 

Finalmente, o Espírito Santo é o Substituto do Senhor Jesus Cristo junto aos Seus seguidores. O que significa dizer que enquanto estava no mundo Ele os guardou de todo o mal. Inclusive na Sua oração Ele deixa isso bem claro.

Com o retorno do Deus-Filho paro o Deus-Pai, a responsabilidade de proteger e guiar a igreja ficou com o Espírito Santo. Portanto, desde o ascensão do Senhor Jesus Cristo aos céus os Seus verdadeiros seguidores vivem soba dispensação da graça do Espírito Santo.

Referências bíblicas para análise do texto:
Mt.28:19 / Dt.6:4 / Mc.12:29 / Gn.1:2 / Jó.26:13;33:4 / Sl.104:30 / 2Pe.1:21 / Jo.14:26 / 1Co.2:10 / At.1:8 / Jo.17:12-13 

Desfrute do Dia